Quatro meses se passaram e Blake Lively continua em estado de graça com a chegada de sua primeira filha, James. A atriz, que esteve neste domingo (19) no lançamento de seu filme “A Incrível História de Adaline”, em Nova York, esteve também em alguns programas de TV e contou um pouco mais sobre o que mudou com o nascimento da primogênita.

“Você vê uma varanda e já pensa ‘Meu Deus, o hotel tem que demolir essa varanda, porque minha filha não pode nem chegar perto dela’. Tudo fica muito maior e intenso. A gente chora o tempo todo sem motivo”, revelou em entrevista à um talk-show do canal ABC.

Nenhuma foto da criança ainda foi divulgada, mas Blake conta que ela se parece bastante com o pai, Ryan Reynolds. “Ela se parece muito com o pai. Vou pedir um teste de maternidade”, brincou.
A atriz contou ainda que quase não tem conseguido descansar depois que a criança nasceu. “Eu dormi duas horas essa noite”, revelou a atriz que conta com a ajuda do marido para tudo, inclusive para trocar as fraldas: “Ele agora cheira a cocô”. Ao ser perguntada sobre o que mudou com a maternidade, ela apontou para os seios e disse: “Para começar, isso aqui mudou”. Lively já havia falado em entrevista para a revista “Allure” que esta parte do corpo, especificamente, tinha mudado bastante. Ela também contou que passa trufas nos mamilos para deixar a amamentação mais saborosa para a criança.

Blake e Ryan disputam para incentivar a primeira palavra da filha

Ela só tem quatro meses, mas os papais de primeira viagem já têm uma série de expectativas para a filha. Ryan, que já revelou ter medo que a filha siga a carreira artística, agora tem uma nova preocupação: ele deseja que a primeira palavra da criança seja “papai”. Mas Blake parece não deixar barato. Em entrevista ao programa de Jimmy Fallon, ela contou que proibiu a palavra dentro de casa.

“Ela tem que falar ‘mamãe’ primeiro, eu faço tudo e ele não faz nada”, brincou.

Ela também contou que se preocupa com o tempo passando tão rápido e brincou ao dizer que o casal já planeja colocar uma janela no porão de casa para quando a criança crescer e tiver um namorado os dois poderem vigiar tudo. “Somos paranoicos”, disse.
Quanto ao nome masculino escolhido para a filha, Blake justifica. “É um nome de família e eu gosto de ter nome de homem e quis manter isso”, disse ela, ao lembrar que o seu nome também não é considerado feminino. O casal demorou para revelar a novidade aos fãs: “É a vida dela. Ela deveria ter privacidade, pelo menos até ter idade de escolher (se quer expor-se ou não), tal como eu e o meu marido escolhemos”.

Fonte: Pure People

Postado por Amanda em 22.04.2015
Arquivado em: Notícias
Designed by Meesvely · Hosted by Flaunt Network · Alguns direitos reservados Ryan Reynolds Brasil ·